[Vídeo] 3 motivos para monitorar a concorrência com Inteligência Geográfica de Mercado

Em tempos de bonança, as vendas cresciam todo mês. Agora tudo parece mais difícil. Tem muita empresa se lamentando, mas a gente acredita que é este o momento para aperfeiçoar a gestão, buscar novas oportunidades e acompanhar ainda mais de perto a concorrência.

A crise é o dinheiro mudando de mão

p39_done-1

Por aqui o dinheiro também muda de mão. Novos públicos começam a consumir, e com eles surgem novas áreas brancas, regiões que têm potencial de mercado e ainda não foram ocupadas pela concorrência. Tem muita gente usando Inteligência Geográfica para medir o potencial de cada pedacinho do Brasil e ser o primeiro a aproveitar essas oportunidades.

Com Inteligência Geográfica de Mercado, você ganha vantagem competitiva

1) Entenda melhor seu negócio

Ter um mapa da concorrência é uma grande vantagem. Ao mapear suas unidades e as de outros players, fica mais fácil entender se a proximidade da concorrência ajuda ou atrapalha. Você pode fazer isso comparando o desempenho entre as lojas que ficam perto de concorrentes com aquelas que estão sozinhas no mercado. Há redes que se beneficiam dessa proximidade, enquanto outras se prejudicam. Qual é o seu caso? Não use o feeling para responder. Prefira a Inteligência Geográfica.

2) Reaja à ação da concorrência

Ao monitorar o mercado, você consegue minimizar o impacto de uma nova unidade concorrente na sua área de atuação. Quando descobrir que seu adversário abrirá uma loja próxima à sua, por exemplo, você pode se prevenir com uma grande ação de marketing que fortaleça a atuação da sua unidade. Outras ideias são reduzir os preços, destacar promoções ou até mesmo investir em uma reforma nesses pontos.

3) Conheça tendências de mercado

Uma rede que percebe a concorrência em direção a um novo mercado deve investigar essa movimentação. Pode ser que tenham um novo conceito de loja para um público diferente, por exemplo. Ou talvez o monitoramento indique que o seu rival está fechando as portas em uma região.

Pode ser um indício de que ali o público não justifique investimentos. Mas se você perceber que um local está sendo próspero para ele, vale pensar em abrir uma unidade ali. Existem empresas que antes de aportar em uma região verificam as características do entorno do ponto de venda da concorrência. É uma boa tática para entender como é posicionamento do seu concorrente no mercado.

Monitorar a concorrência é estar atento às tendências.

New Call-to-action

Por Janaína Rehder

Comentários

Ebooks

Materiais mais baixados

Acompanhe a Geofusion

Assine nosso blog e receba o melhor conteúdo sobre Geomarketing