6 passos para priorizar investimento onde há potencial de mercado

Com orçamentos do mercado varejista apertados pela instabilidade financeira, é ainda mais importante saber onde há potencial de mercado que justifique investimentos.

Não adianta reformar uma loja que já atenda todo o público-alvo da região, e é melhor direcionar o budget do marketing para pontos que vendam bastante, e que podem vender muito mais, do que para onde todo o potencial já foi aproveitado, mesmo que o faturamento desse segundo ponto seja menor.

Veja como é fácil aprimorar a gestão do varejo e identificar onde há de fato potencial de mercado:

 1-    Conheça sua rede

Antes de explorar o que há lá fora, é preciso colocar a casa em ordem. Dados da sua rede são primordiais para análise de potencial de mercado:

  tabela-1

 2-    Área de Influência

Com os endereços de lojas e dos respectivos clientes, é possível colocá-los no mapa e verificar qual a área de influência de seu negócio - ou seja, qual o perímetro ao redor do ponto de venda que abrange maior parte da clientela. 

6 passos para priorizar investimento onde há potencial de mercado

 3-    Meça o potencial

É dessa área de influência que será calculado o potencial de mercado. Um dado ideal para essa análise é o de Potencial de Consumo, elaborado pelo IPC Marketing, que indica qual volume de dinheiro os domicílios de uma região determinada estão dispostos a gastar em 97 categorias diferentes.

New Call-to-action

4-    Lembre-se da concorrência

Neste momento é importante aplicar alguns conhecimentos de seu negócio para que a expectativa seja a mais precisa possível. Uma só empresa dificilmente capta 100% do Potencial de Consumo. Afinal, existem concorrentes. Considerar o market share do seu negócio é primordial para uma boa gestão do varejo: só assim você saberá quanto do mercado é possível captar.

 5-    Análise comparativa

A previsão de retorno do investimento deve ser feita a partir do cruzamento de dois dados: o desempenho de uma loja e o potencial da região onde ela está. Assim é possível identificar pontos que estão aquém do que podem render, e planejar investimentos para que melhor aproveitem o potencial de onde estão.

6-    Respeite os limites

Atenção: não se esqueça que o público é finito. Se todo o potencial da área está sendo aproveitado, grandes investimentos inevitavelmente não terão efeito. New Call-to-action

Por João Pedro Ribeiro do Val / Diretor Comercial

Comentários

Ebooks

Materiais mais baixados

Acompanhe a Geofusion

Assine nosso blog e receba o melhor conteúdo sobre Geomarketing