Entenda como funciona o ciclo de inteligência competitiva

Inteligência competitiva é uma forma estratégica, proativa e inteligente de gerenciar os dados da organização e as informações oriundas da concorrência e do mercado. Tudo isso com o objetivo de melhorar as tomadas de decisão. 

ciclo-inteligencia-competitiva

Neste post, mostraremos detalhadamente como funciona um ciclo de inteligência competitiva.

Como o próprio termo sugere, tal inteligência auxilia as empresas a obter melhores condições de competir no segmento em que atuam por meio da análise de panoramas que estão ao seu redor e tendências de consumo.

Os dados adquiridos em uma ação de inteligência competitiva podem ser coletados de variadas formas. Buscar informações divulgadas pelas mídias, fazer pesquisas com clientes e utilizar táticas de cliente oculto são algumas delas. Continue a leitura do artigo para saber mais sobre o assunto!

Antes, que tal baixar um material que vai ajudar você a aprimorar o seu planejamento de expansão? Basta clicar no banner a seguir e realizar o download gratuitamente.

New Call-to-action

Quais são os benefícios do ciclo de inteligência competitiva para a empresa?

Define oportunidades de negócios

A empresa toma conhecimento a respeito das mudanças externas como o comportamento do consumidor e do mercado.

Sendo assim, torna-se viável fazer análises de cenários como poder aquisitivo do público-alvo, economia, tendências de inovação, entre outros aspectos que podem influenciar diretamente na reestruturação dos processos para aumentar as vendas.

Monitora mudanças

Em uma estratégia de inteligência competitiva, pode-se perceber quais alterações mais significativas estão ocorrendo ao redor da empresa. Também é possível interpretar seus sinais e desenvolver soluções adequadas ao ambiente externo em forma de serviços e produtos.

É o caso de organizações que dependem da sazonalidade e das tendências comportamentais para comercializar seus produtos. A indústria do vestuário e as agências de turismo são exemplos desse tipo de organizações. Estar um passo à frente da concorrência é garantir o alto índice de competitividade e liderar o setor.

Minimiza erros

A inteligência competitiva deve estar alinhada à estrutura hierárquica, à cultura organizacional, ao segmento e ao porte da empresa.

Dessa forma, é possível restabelecer processos e se atualizar. Afinal, insistir em táticas já consolidadas pode ser um empecilho para que o empreendimento invista em ajustes mais profundos em suas estratégias, perpetuando os erros já cometidos no passado.

Dado esse contexto, é correto afirmar que a inteligência competitiva contribui para a redução de erros e aumenta as chances de cumprimento de metas.

Protege as informações

O atual cenário competitivo evidencia a necessidade das empresas em proteger suas informações de ações da concorrência, concorda?

Portanto, é imprescindível que o gestor responsável pela coleta de dados seja um profissional experiente e tenha conhecimento em tecnologias que garantam a confidencialidade dos processos internos da organização.

A inteligência competitiva preza pela segurança das informações, evitando que dados sejam vazados por falta de cuidado, por exemplo.

Organiza processos

Uma estratégia de inteligência competitiva também prioriza a ordem de todos os processos operacionais da empresa, já que as informações precisam ser monitoradas e devem estar disponíveis quando uma consulta for necessária.

Quais etapas compõem o ciclo de inteligência competitiva?

ciclo de inteligência competitiva é um sistema que tem como objetivo adquirir e disponibilizar dados relevantes a respeito da empresa, dos clientes, dos concorrentes e do mercado como um todo. Ele é formado por cinco etapas:

  • planejamento;

  • coleta, processamento e armazenamento de dados;

  • análise e validação da informação;

  • disseminação e utilização dos dados estratégicos;

  • avaliação do processo.

Planejamento

A primeira etapa do ciclo consiste na identificação das necessidades da inteligência competitiva. Apesar de ser contínuo, o ciclo deve sempre ser atualizado mediante as necessidades e alinhado ao planejamento de ações estratégicas.

Isso evita que a organização desperdice tempo e recursos, investindo em gerar conhecimento sem relevância.

Antes de se iniciar o processo, é conveniente consultar o planejamento estratégico do negócio. A ideia é que todos os processos internos sejam seguidos mediante os valores da empresa e estejam presentes em sua cultura organizacional.

A identificação das necessidades da inteligência competitiva sugere que questionamentos como os listados abaixo sejam feitos.

  • O que é preciso saber?

  • O que já se sabe?

  • O que deve ser feito com a inteligência competitiva adquirida?

  • Qual será o custo para obter essa inteligência?

  • Qual será o custo se ela não for obtida?

Assim que as necessidades forem identificadas, é hora de mapear o processo que servirá de parâmetro nas etapas posteriores. Também é o momento de definir metas objetivas para o monitorar e, é claro, de controlar cada avanço no ciclo de inteligência competitiva.

Coleta, processamento e armazenamento dos dados

Nesta etapa, o foco é buscar informações juntamente às fontes primárias e secundárias e prosseguir com o tratamento de todos os dados coletados.

Uma fonte primária não tem filtros e é direta, enquanto a fonte secundária gera dados alterados. Veja alguns exemplos de fontes primárias:

  • palestras e programas transmitidos ao vivo (sem edições);

  • relatórios divulgados por fornecedores, concorrência ou órgãos do governo;

  • entrevistas com fornecedores, concorrentes e clientes;

  • observações realizadas em primeira pessoa.

Análise e validação da informação

Esse é o ponto do ciclo de inteligência competitiva em que os dados coletados na etapa anterior são analisados para a elaboração final dos produtos ou serviços de inteligência.

É nessa etapa que as informações são interpretadas e interligadas, criando uma relação de relevância. Então, insights podem ser oferecidos aos responsáveis pelas tomadas de decisão da empresa.

Lembrando que uma análise deve ser objetiva e eficiente. Não podemos esquecer que ela não deve se limitar ao relato de informações e fatos desatualizados, já que também pode projetar cenários futuros, como o comportamento da concorrência.

Disseminação e utilização dos dados estratégicos

Os dados analisados e formatados com coerência são entregues aos gestores responsáveis. Os diferentes formatos para propagar esses dados incluem:

Até mesmo um simples comunicado verbal pode ser válido para informar sobre um produto ou serviço de inteligência.

Avaliação do processo

Como foi dito no decorrer deste texto, é fundamental que haja esforço por parte da equipe para manter a competitividade da empresa por meio de otimizações com embasamento e agilidade.

Sendo assim, a inteligência competitiva proporciona as ferramentas mais adequadas. No entanto, para que o próprio processo seja melhorado, é necessário, antes de reiniciar o ciclo como um todo, avaliar o que já foi realizado.

Nessa etapa de avaliação, deve-se considerar o desenvolvimento de cada etapa anterior, além dos resultados alcançados a partir da inteligência competitiva adquirida em todo o processo.

Para concluirmos, vale ressaltar que é preciso observar se as metas estabelecidas na etapa de planejamento foram alcançadas. Também é necessário identificar as melhores ações e aprender com erros, para que seja possível otimizar o próximo ciclo de inteligência competitiva.

Quer saber mais? Clique no banner abaixo e saiba como realizar um planejamento de expansão que vai fazer a sua empresa sair na frente da concorrência.

New Call-to-action

Por Susana Figoli / Diretora de Inteligência de Mercado

Comentários

Ebooks

Materiais mais baixados

  • [EBOOK] 6 Fatores de Sucesso para Abertura de Novas Lojas Baixe grátis
  • [EBOOK] As Principais Soluções de Geomarketing Para Expansão de Redes Baixe grátis
  • [EBOOK] Guia para Alavancar Sua Geração de Leads Baixe grátis
  • [QUIZ] Você sabe o que considerar na escolha do ponto comercial ideal? Baixe grátis

Acompanhe a Geofusion

Assine nosso blog e receba o melhor conteúdo sobre Geomarketing