Hábitos alimentares saudáveis desafiam a indústria

Uma pesquisa realizada pela Kantar World Pannel revelou que os brasileiros estão mudando seus hábitos de consumo, quando se fala em produtos de alto giro.

O estudo analisou quais itens ganharam ou perderam espaço no carrinho de compras do brasileiro, de 2016 para 2017.

A categoria que mais cresceu foi a de chá líquido, com uma elevação de 70%, seguido pelos complementos alimentares (44%). Nessa lista também entram o azeite e a água de coco.

habitos-alimentares-saudaveis

Ao analisar o levantamento dá para perceber que os consumidores estão elevando hábitos alimentares saudáveis e têm preferido produtos menos industrializados. Além da saúde, a praticidade e o preço também contam na escolha.

Outro estudo feito pela Mintel, fornecedora de pesquisas de mercado, mostrou que, em 2017, 76% dos brasileiros dizem estar buscando reeducação alimentar.

O principal motivo para a mudança de hábitos, segundo o estudo, é o aumento da expectativa de vida, que só tende a crescer.

Muitas indústrias já sentiram no bolso o reflexo dessa mudança. Gigantes do setor, como Kraft Foods e Kellog’s, relataram queda no faturamento por conta da dificuldade de adaptação à mudança de hábitos alimentares dos consumidores.

No caso de fabricantes que atuam no Brasil, uma das principais dificuldades é justamente entender quem são, onde estão e o que consomem essas pessoas. A ideia é ampliar mercado e oferecer um mix de produtos personalizado e assertivo nos PDVs.

Para resolver o problema, indústrias alimentícias têm se beneficiado de informações coletadas por ferramentas de geomarketing, como o OnMaps.

Por meio da solução, encontram as melhores chances de positivação, atreladas ao potencial de consumo de seus produtos, perfil da população e hábitos de compra em todo o País.

Na sequência deste post, você descobrirá como utilizar os dados coletados pelo OnMaps para localizar consumidores com hábitos saudáveis.

Antes, que tal baixar o nosso eBook gratuito e conhecer como gerar mais leads para sua força de vendas? É só clicar no banner abaixo e realizar o download.

New Call-to-action

Identificando público com hábitos alimentares saudáveis

Algumas indústrias cometem um grande erro ao estudar as chances de penetração de seus produtos: ignoram o perfil do cliente final. Muitas vezes, essa análise fica a cargo do distribuidor indireto e do próprio comércio varejista, o que é um erro.

Uma empresa que conhece bem quem é e onde está o seu consumidor pode inserir produtos em PDVs de forma assertiva. A ideia é dar preferência aos comércios que atendam uma boa parcela de pessoas que consomem a mercadoria oferecida, com base em dados de mercado.

Classificar grupos de consumidores por estilo de vida é uma das maneiras mais eficientes de fazê-lo, pois reflete em compreender hábitos de consumo, inclusive o de alimentos tidos como saudáveis.

Aqui vai um exemplo: Grupos de pessoas que possuam estabilidade financeira, morem nos grandes centros e que pratiquem algum tipo de atividade física, tendem a priorizar o consumo de alimentos saudáveis.

Já as pessoas que residem distante do trabalho, sem muito tempo disponível para a prática de exercícios, geralmente preferem mercadorias de fácil preparo e que tenham bom custo-benefício -  o que via de regra foge à linha de produtos de linha saudável.

Para encontrar o seu consumidor com base no estilo de vida, o OnMaps oferece um módulo chamado Lifestyles, que divide milhões de brasileiros em 11 grupos e 40 segmentos. A informação vem de uma parceria com a Serasa Experian por meio da solução de segmentação, o Mosaic.

mosaic-geofusion
Exemplo de relatório do Lifestyles

Essa clusterização considera renda, faixa etária, carreira, padrões de consumo e muito mais, tudo a partir de estudos realizados por profissionais de marketing, estatística e antropólogos.

O Lifestyles ajuda no direcionamento de seus distribuidores para os PDVs com mais chance de positivação, na criação de mix de produtos mais aderentes e também na realização de merchandising no ponto de venda.

Cruzando dados sociodemográficos e mercadológicos

Assim como você pode utilizar os dados citados acima para priorizar alguns dos PDVs que já atende, o OnMaps possui outro módulo, o Enterprise, que auxilia na descoberta de potenciais clientes.

Com um banco de dados com mais de 18 milhões de CNPJs cadastrados e atualizados diariamente, essa funcionalidade permite encontrar leads altamente qualificados, por meio de filtros. Afinal, não é a quantidade, mas sim a qualidade das oportunidades que importa.

Você filtra empresas por porte, segmento, índice de operacionalidade, faturamento, entre outros critérios. Tudo fica georreferenciado, para facilitar a visão do mercado e a gestão de territórios de vendedores, representantes e distribuidores.

E o mais legal é cruzar as oportunidades mapeadas com as informações sobre a população brasileira. Lembra-se do Mosaic? Então. Unindo dados de consumo e potencias clientes, você garante produtividade para cada profissional de vendas, pois vão agir somente onde a possibilidade de conversão é alta.

Escolhendo PDVs em regiões com alto potencial de consumo

Indústrias que possuem linhas de produtos saudáveis têm ganhado cada vez mais espaço na lista de compras do consumidor, isso é fato. Mas ainda há muita oportunidade por aí.

Por isso, é fundamental que essas empresas consigam enxergar regiões onde há mais oportunidades para os produtos que oferecem.

Empresas alimentícias podem trabalhar com diversas possibilidades de potencial de consumo encontradas no OnMaps – ao todo são 20 categorias, que se ramificam em mais 97 subcategorias. As opções vão desde alimentação dentro do lar até gastos com medicamentos.

potencial-de-consumo
Amostra de potencial de consumo para alimentação fora do domicílio; quanto mais escura a área, maior é o seu potencial.

Basta subir a base atual de clientes na ferramenta e ativar a camada de potencial de consumo para a categoria desejada.  Assim, verifica-se, em mapas, a probabilidade de consumo das famílias na região selecionada: alta, média ou baixa.

As indústrias que realizam essa análise evitam que a força de vendas atue em territórios não tão rentáveis.

O geomarketing é essencial para mapear clientes

Como você pôde perceber, os hábitos alimentares saudáveis estão modificando o mercado, e as indústrias que não acompanharem essa transformação ficarão para trás.

Para evitar que isso aconteça, é muito importante estudar o perfil do seu consumidor e identificar em quais regiões ele se faz presente, para que, assim, possa ter uma ativação de produtos eficiente. Lembre-se que o sell in é tão importante quanto o sell out.

O OnMaps tem ajudado diversas indústrias a localizar o seu público-alvo e impulsionar as vendas.

Quer conhecer outros benefícios da ferramenta? Baixe nossos eBook gratuito. É só clicar no banner abaixo e realizar o download.

New Call-to-action

Por Raquel Santos / Gerente de Produto

Comentários

Ebooks

Materiais mais baixados

Acompanhe a Geofusion

Assine nosso blog e receba o melhor conteúdo sobre Geomarketing